A dorsoplastia é um procedimento que se caracteriza pela ressecção do excedente de pele e gordura (pele flácida ou redundante) na porção torácica lateral alta de ambos os lados. É comumente indicada para indivíduos que sofreram grande perda de peso e/ou apresentam pele em excesso nesta região, por exemplo: estrias. Pode ser realizada isoladamente ou associada a mamoplastia e lifting de braços. Em alguns casos pode-se associar também à lipoaspiração de áreas próximas como forma de promover melhora da pele circunjacente definindo o tórax da (o) paciente.




Cuidados pós-operatórios:

1 - repouso com membros superiores elevados
2 - drenagem linfática 2 a 3 x semana
3 - meias antitrombo por 7 a 10 dias
4 - evite atividades físicas por 60 dias
5 - evite exposição ao sol 2 a 3 meses
6 - evite dirigir por 15 a 20 dias

Riscos:

1 - deiscência de sutura (abertura dos pontos)
2 - infecção
3 - seroma (acúmulo de líquido em baixo da pele e que deve ser drenado)
4 - hematoma (acúmulo de sangue deve ser drenado)
5 - cicatriz alargada ou quelóide (depende da qualidade da pele de cada indivíduo)
6 - necrose parcial de pele ( mais comum em fumantes)
7 - trombose venosa profunda ( mais comum em obesos e fumantes, caso faça embolia pulmonar pode ser fatal).

© 2011 Dr. Lincoln Graça Neto. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: